PERFIL MICROBIOLÓGICO DAS INFECÇÕES DO SÍTIO CIRÚRGICO NAS CIRURGIAS CARDIOVASCULARES

Herlon Mituzi Miyazawa, Daniel Hideo Kakitani

Resumo


RESUMO

 

Este trabalho tem como objetivo analisar cirurgias cardiovasculares e a prevalência de infecções do sítio cirurgico, tais como sua etiologia microbiológica, a fim de estudar a flora microbiana local e seu grau de resistência antimicrobiano, e definir o perfil clínico da população estudada. Foi feito um estudo retrospectivo observacional transversal, unicêntrico, com coleta de dados em prontuários médicos de pacientes submetidos a procedimento cardiovasculares no hospital (HONPAR) Hospital Norte Paranaense. Foram evidenciados 56 (2,59%) infecções do sítio cirúrgico, destes 36 (64,30%) pacientes do sexo masculino e 20 (35,7%) pacientes do sexo feminino, a idade mais prevalente foi entre 70-79 anos no total de 28 pacientes (50%), o patógeno mais prevalente entre as infecções foi o Staphylococcus aureus (12 episódios), seguido pela Klebsiella pneumoniae (06 episódios), Pseudomonas aeruginosas (05 episódios) e Staphylococcus coagulase negativa (04), Acinetobacter Baumannii (03), Enterobacter cloacae (03), Proteus mirabilis (01), outros incluempolimicrobrianos.O patógeno mais prevalente foi Staphylococcus aureus (21%), como descrito em vários trabalhos semelhantes.

 


Apontamentos





Licença Creative Commons

This work is licensed under a Creative Commons Atribuição-Uso não-comercial 3.0 Brasil License

Disponibilidade para depósito: permite o depósito das versões pré-print e pós-print de um artigo